PIB brasileiro cresce 1,1% e totaliza R$ 7,3 trilhões em 2019

  • Por Jovem Pan
  • 04/03/2020 09h21 - Atualizado em 04/03/2020 10h38
Itaci Batista - Estadão ConteúdoEmbora seja considerado o menor avanço nos últimos três anos, a taxa de investimento ficou em 15,4% do PIB, o que é acima de 2018, com 15,2%

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou nesta quarta-feira (4) crescimento de 1,1% do Produto Interno Bruto (PIB) em 2019. De acordo com dados do órgão, PIB totalizou R$ 7,3 trilhões em no ano passado.

O Segundo dados do instituto, o PIB per capita variou 0,3% em termos reais, alcançando R$ 34.533 em 2019. Embora os dados mostrem foi o menor avanço nos últimos três anos, a taxa de investimento ficou em 15,4% do PIB, o que é acima de 2018, com 15,2%. Já a taxa de poupança apresentou queda registrando 12,2%, quando comparado a 2018 (12,4%).

Entre os setores que registraram maior variação positiva, quando comparados com o ano anterior estão: o Investimentos (2,2%), Serviços (1,3%) e Atividades Imobiliárias (1,5%). Já Consumo do governo (-0,4%) e Exportação (-2,5%) apresentaram reduções no último ano. 

Para calcular o PIB é considerada a soma de todos os bens e serviços produzidos no país. A taxa serve para medir a evolução da economia ao longo do ano. A estimativa para 2019, após retração da economia nos meses de novembro e dezembro, era de crescimento de 1%. Para o Ministério da Economia, o PIB esperado era de 1,12%, o que demostra uma superação dos resultados esperados.

Para 2020, a estimativa do governo é que o PIB ultrapasse 2,4%. Entretanto, com o avanço do coronavírus e os impactos na economia global, é possível que o Ministro da Economia Paulo Guedes revise a projeção.