Redução no IPI será ampliada para 33%, afirma Guedes

Novo decreto deve ser assinado até o fim do mês; em fevereiro, governo já havia determinado o corte de 25% do imposto

  • Por Jovem Pan
  • 24/03/2022 13h57
WALLACE MARTINS/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO Ministro da Economia, Paulo Guedes Ministro da Economia, Paulo Guedes, em evento em Brasília

O ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou nesta quinta-feira, 24, que o governo vai ampliar para 33% o corte do Imposto sobre produtos industrializados (IPI). A nova redução deve ser feita através de um decreto até o fim do mês. Em fevereiro, a equipe econômica já havia anunciado o corte de 25% sobre o tributo. A medida visa dar força para a indústria nacional em meio ao processo de recuperação econômica. O corte anunciado em fevereiro incidiria sobre automóveis, eletrodomésticos da chamada “linha branca”, como refrigeradores, freezers, máquinas de lavar roupa e secadoras, entre outros. Outros produtos tiveram a alíquota reduzida em 18,5%. Ficaram excluídos da redução itens que contenham tabaco. À época, a equipe econômica estimou que a medida iria causar a queda de R$ 19,5 bilhões de arrecadação em 2022, R$ 20,9 bilhões em 2023 e R$ 22,5 bilhões no de 2024.