“A educação é a base para complementar tudo o que falta no Brasil”

  • Por Jovem Pan
  • 20/01/2014 10h37
Divulgação Washngton Olivetto

Washington Olivetto, 63 anos, um dos maiores publicitários do Brasil, especialmente no marketing esportivo, chairman da agência W/Mcann, uma das 5 maiores agências do Brasil e a maior do Rio de Janeiro. Começou a carreira como redator na Harding-Jiménez, depois passaria a trabalhar na Lince e na DPZ, em 1974. Saiu da DPZ para associar-se à agencia de publicidade suíça GGK (tornando-se W/GGK), em 1986.

O que fazer por um Brasil Melhor?

Olivetto enfatiza veementemente a educação como caminho para um Brasil Melhor.

Desde a educação básica até a de alto nível, temos que cuidar de uma geração de crianças bem educadas e fazer adultos bem educados, para Olivetto.

O empresário diz que a educação “é a base para complementar tudo o que falta no País”, inclusive da violência.

A educação vai criar um torcedor de futebol mais bem educado, um pai mais bem educado, um amigo mais bem educado e, consequentemente, um país mais bem educado.

“A gente tem condições de fazer isso, porque a gente pode educar um povo que gosta de aprender”, finaliza o publicitário.