EI liberta reféns jordaniano e japonês, de acordo com emissora

  • Por Jovem Pan
  • 28/01/2015 16h13
Estado Islâmicos e reféns do Japão

Segundo informações da rede “Al Jazeera”, o grupo jihadista Estado Islâmico libertou nesta quarta-feira (28) o refém japonês Kenji Goto e o piloto jordaniano Muath al Kasaesbeh, este que foi capturado após a queda de seu caça da Jordânia na Síria.

Os dois foram soltos após troca da terrorista Sajida al Rishawi, condenada à morte na Jordânia. Rishawi estava presa na Jordânia desde 2005 por participar do atentado mais sangrento da história recente do país, que só não deu certo porque seu cinto de explosivos falhou.

Na semana passada o EI assassinou o outro refém japonês, Haruna Yukawa, cuja morte foi anunciada em vídeo por seu companheiro de cativeiro, libertado hoje.