Equipes do Irã e G5+1 retomam negociações para aplicar acordo nuclear

  • Por Agencia EFE
  • 10/01/2014 09h45

Genebra, 10 jan (EFE).- O vice-ministro das Relações Exteriores iraniano, Abbas Araqchi, e a responsável adjunto do serviço Exterior da UE para Assuntos Políticos, Helga Schmidt, retomaram nesta sexta-feira as conversas para resolver diferenças e acordar uma data para aplicar o pacto nuclear alcançado em novembro.

Araqchi e Schmidt – que dirige as negociações em nome do G5+1 (EUA, Reino Unido, França, Rússia, China e Alemanha) – se reuniram hoje por volta das 9h30 local (6h30, em Brasília), confirmou em sua conta no Twitter Michael Mann, porta-voz da chefe da diplomacia europeia, Catherine Ashton.

Ambos mantiveram ontem pela tarde um encontro bilateral para “resolver alguns assuntos pendentes”, segundo Araqchi, e depois se uniu às conversas a vice-secretária de Estado dos EUA para Assuntos Político, Wendy Sherman.

As reuniões acontecem a portas fechadas sem informações sobre o que está sendo negociado, embora alguns meios de comunicação apontam que as diferenças giram em torno das sanções, enquanto outros assinalam a intenção do Irã de instalar um modelo de centrífugas mais avançadas para enriquecer urânio.

As equipes negociadoras de ambos os países mantiveram vários encontros de analistas de caráter técnico durante o mês de dezembro, após o acordo alcançado em 24 de novembro em Genebra, para concretizar os detalhes que permitam a implementação do mesmo.

O pacto de novembro obriga a República Islâmica do Irã a suspender parcialmente as partes mais conflituosas de seu programa nuclear em troca de um levantamento limitado de algumas sanções e o compromisso do G5+1 de não impor novas penas durante um prazo de seis meses, no qual as partes devem alcançar um pacto definitivo. EFE