Espuma em praias do Rio está diminuindo

  • Por Agencia Brasil
  • 07/01/2014 16h20

Flávia Villela
Repórter da Agência Brasil

Rio de Janeiro – A espuma amarelada que surgiu no litoral do Rio de Janeiro está se dissipando, informou hoje (7) o Instituto Estadual do Ambiente (Inea). A diminuição das manchas era visível pela manhã. Mais tarde, o instituto divulgará um boletim sobre as condições da água para as pessoas tomarem banho de mar.

Desde o início do verão, com o surgimento das florações de algas, testes foram realizados para identificação de possíveis espécies e a única incidência constatada foi da microalga Tetraselmis sp. A espécie não representa risco à saúde ou ao ambiente.

O Inea informou que vai incluir a identificação prévia de possíveis florações de microalgas nos testes semanais feitos por meio de parceria com as universidades do Estado e Federal do Rio de Janeiro.

Segundo o instituto, o fenômeno é causado pela decomposição de algas submetidas a fatores como temperatura e insolação elevadas, combinadas com mar calmo e nutrientes na água.

O Inea recomenda aos banhistas que observem os boletins de balneabilidade indicando quais praias estão próprias para banho de mar em seu site.

Edição: Beto Coura

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil. Para reproduzir as matérias é necessário apenas dar crédito à Agência Brasil