Ex-ministro grego acredita que reformas econômicas fracassarão

  • Por EFE
  • 18/07/2015 09h56

Yanis VaroufakisYanis Varoufakis

O ex-ministro grego de Finanças Yanis Varoufakis opinou neste sábado (18) que as reformas econômicas impostas à Grécia pelos credores “vão fracassar”, antes do começo das conversas sobre um novo resgate à Grécia.

Em entrevista à emissora “BBC”, Varoufakis, que renunciou ao cargo no início do mês, disse que a Grécia está submissa a um programa econômico que entrará para a história como o maior “desastre” macroeconômico.

As declarações do ex-ministro foram feitas depois de o parlamento alemão aprovar na sexta-feira o começo das negociações sobre o novo resgate à Grécia, que pode chegar a 86 bilhões de euros em troca de duras medidas de austeridade.

“Este programa vai fracassar”, afirmou Varoufakis, que acrescentou que o primeiro-ministro grego, Alexis Tsipras, não teve outra opção a não ser assinar o acordo.

“Nos deram a opção entre sermos executados ou nos render. E ele decidiu que a rendição era a última estratégia”, analisou.

Tsipras anunciou um reajuste do governo, com a retirada de vários ministros que votaram contra as reformas.