Exército sírio arrebata do EI o controle de parte de campo de petróleo

  • Por Agencia EFE
  • 08/09/2015 15h20

Cairo, 8 set (EFE).- As forças do regime sírio arrebataram nesta terça-feira do grupo jihadista Estado Islâmico (EI) uma parte do campo de petróleo de Yazal, na periferia da cidade de Homs, que havia sido conquistado ontem pelos extremistas.

O Observatório Sírio de Direitos Humanos (OSDH), cuja sede está em Londres e goza de uma ampla rede de ativistas na Síria, garantiu em comunicado que, apesar da expulsão dos jihadistas, as instalações da jazida petroleiro ainda seguem sem funcionar.

A mesma fonte acrescentou que os enfrentamentos entre os radicais e as forças do Exército sírio, apoiadas por milicianos tribais, seguem perto da população de Yazal, próxima ao campo de petróleo.

A tomada deste poço, o último que estava sob o controle do regime do presidente Bashar al Assad, aconteceu após intensos enfrentamentos entre o EI e as forças leais ao governo de Damasco.

Perante a perda dos campos de petróleo, o regime sírio conta cada vez mais com o cru fornecido pelo governo iraniano, o principal aliado de Assad na região.

Por outro lado, pelo menos 17 jihadistas morreram durante um ataque lançado nas últimas horas por dezenas de soldados sírios contra posições do EI na zona de Al Bayarat, situada ao oeste da cidade de Palmira, na periferia de Homs.

O EI proclamou em junho de 2014 um califado nas zonas que controla na Síria e Iraque, onde conquistou amplas partes do território destes países. EFE