Governo federal libera verba para obras contra enchentes em São Paulo

  • Por Jovem Pan
  • 27/06/2014 09h02

O governo federal libera R$ 4,5 bilhões para obras contra enchentes em São Paulo e a construção da linha seis laranja do Metrô. Em visita à capital paulista, nesta quinta-feira, a presidente da República voltou a exaltar a parceria republicana com o governo do estado e a prefeitura.

Dilma Rousseff criticou os antecessores por não investir de forma adequada em infraestrutura e mobilidade urbana. Ao anunciar recursos do Plano de Aceleração do Crescimento 2, a presidente ressaltou que o país não depende mais do FMI.

Por meio do BNDES, Dilma Roussef repassou um bilhão e R$ 700 milhões para a linha laranja do metrô, que vai de Brasilândia a São Joaquim. O governador Geraldo Alckmin destacou que o ramal será construído pela iniciativa privada, mas depende de contrapartidas do estado.

*Ouça os detalhes no áudio

A linha seis laranja vai passar por universidades como PUC, Faap e Mackenzie e a previsão de entrega é 2020. O secretário dos Transportes Metropolitanos, Jurandir Fernandes, explicou, no entanto, que o ramal será inaugurado por trechos.

Fernandes lembrou ainda que a linha seis laranja é orçada em R$ 9 bilhões de reais, R$ 700 milhões em desapropriação de imóveis. Presente à cerimônia com Dilma Rousseff, o prefeito Fernando Haddad prometeu aplicação imediata dos recursos nas obras anti-enchentes.

De acordo com o prefeito Haddad, os recursos federais também serão usados na construção de 120 quilômetros de corredores de ônibus. Ainda na mobilidade urbana, cidades como Ribeirão Pires e Mauá serão beneficiadas.