Hernández chega ao estádio nacional de Tegucigalpa para sua posse

  • Por Agencia EFE
  • 27/01/2014 14h08

Tegucigalpa, 27 jan (EFE).- O presidente eleito de Honduras, Juan Orlando Hernández, chegou nesta segunda-feira ao Estádio Nacional de Tegucigalpa para tomar posse do cargo, em um ato no qual participam representantes de 65 países, entre eles pelo menos seis governantes e o príncipe das Astúrias.

No local, Hernández receberá a faixa presidencial das mãos do titular do Poder Legislativo e correligionário do governante Partido Nacional, Mauricio Oliva.

“Esta é uma nova época para Honduras, viemos com a fé em Deus, pedindo sabedoria, de que façamos o melhor por Honduras. Esse é o momento do país mudar”, disse aos jornalistas o novo presidente antes de sair de sua residência rumo ao Estádio Nacional.

Hernández, de 45 anos, sucede no cargo seu correligionário Porfirio Lobo para o período 2014-2018.

As portas do Estádio Nacional, com uma capacidade para 40 mil pessoas, foram abertas às 6h local (10h, em Brasília) para que o público em geral participasse do ato oficial.

O Governo decretou feriado escolar nacional nesta segunda-feira para facilitar a chegada ao estádio, que conta com um amplo sistema de segurança que envolve cerca de seis mil agentes da polícia e militares.

Participam da posse de Hernández os presidentes da Costa Rica, Colômbia, Kosovo, Panamá, República Dominicana e Taiwan, assim como príncipe das Astúrias, Felipe de Bourbon.

Também estão presentes os vice-presidentes da Venezuela e da Nicarágua. e o secretário-geral da Organização dos Estados Americanos (OEA).

Além disso, estão representados o Sistema de Integração Centro-Americana e organismos internacionais como as Nações Unidas, Banco Mundial e Banco Interamericano de Desenvolvimento.

Depois da cerimônia, o novo presidente hondurenho oferecerá um almoço aos dignatários e outros convidados na Casa Presidencial. EFE

gr/ff