Holocausto será explicado para crianças em Israel desde pré-escolar

  • Por Agencia EFE
  • 24/04/2014 13h57

Jerusalém, 24 abr (EFE).- O Ministério de Educação de Israel anunciou nesta quinta-feira o início de um novo programa por meio do qual se explicará o Holocausto para crianças em idade pré-escolar.

O programa “Pela Memória” foi formulado por um comitê conjunto integrado por especialistas no Holocausto, equipes docentes, psicólogos e consultores do Ministério da Educação, em coordenação com o Centro Internacional para Estudos do Holocausto na Instituição Yad Vashem, em Jerusalém.

Em um comunicado, o ministério afirma que “com a previsão da sirene (que anuncia o início do Dia da Lembrança), se ensinará as crianças que esse é um dia em que recordarmos as pessoas que atravessaram dificuldades há muitos anos”.

Entre as justificativas para a decisão, o ministério argumentou que durante essa jornada solene em Israel os menores estão expostos ao ressoar de sirenes antiaéreas em todo o país e a difusão de programas e documentários sobre o assunto.

“Como costuma ocorrer, as crianças absorvem a informação sem habilidade cognitiva e emocional de compreender ou obter um significado dela”, explicou o comunicado.

Em virtude do novo programa, os docentes irão assessorar os pais a como falar com seus filhos sobre o Holocausto, e o Ministério da Educação solicitou aos responsáveis por instituições de ensino que não mostrem às crianças fotos sobre o período.

Em 27 de abril são realizadas em Israel as cerimônias do Dia da Lembrança das vítimas do nazismo, e na jornada seguinte é o Dia Nacional do Holocausto, de acordo com o calendário hebraico, marcado pelas sirenes e atos institucionais em todo o país. EFE