Houthis anunciam derrubada de helicóptero dos Emirados no Iêmen

  • Por Agencia EFE
  • 23/08/2015 06h20

Sana, 23 ago (EFE).- O exército leal ao movimento rebelde dos houthis assegurou neste domingo que suas forças derrubaram ontem à noite no centro do Iêmen um helicóptero Apache dos Emirados Árabes Unidos, que participam das operações da coalizão militar liderada pela Arábia Saudita.

Um responsável do Ministério da Defesa, citado pela agência de notícias iemenita “Saba”, disse que o helicóptero foi atingido com um míssil terra-ar na área de Yasuf, na região de Lauder, entre as províncias de Al Baida e Abien.

Segundo a fonte, a aeronave respaldava com suas operações “os combatentes da Al Qaeda e mercenários de Riad”, em alusão às forças do presidente exilado, Abdo Rabbo Mansour Hadi.

Se esta informação for confirmada, se trataria do segundo helicóptero da coalizão militar derrubado em dois dias, já que ontem outro Apache saudita foi atingido na fronteira entre o Iêmen e a Arábia Saudita.

Os houthis garantiram ter derrubado o helicóptero, embora a Arábia Saudita tenha indicado que a aeronave caiu e que os dois pilotos morreram.

No último dia 5 de agosto os rebeldes também anunciaram que tinham derrubado um helicóptero saudita, mas Riad não confirmou este incidente.

A coalizão árabe liderada pela Arábia Saudita e integrada, entre outros, pelos Emirados Árabes Unidos, começou a bombardear no final de março as posições dos houthis no Iêmen, em apoio ao presidente Hadi, que está exilado em Riad.

Há um mês, as forças leais a Hadi avançaram no sul do Iêmen frente aos rebeldes, que controlam amplas áreas do país, inclusive a capital, Sana. EFE