Jihadistas tomam duas cidades dos curdos no norte da Síria

  • Por Agencia EFE
  • 07/01/2014 12h59

Beirute, 7 jan (EFE).- Combatentes jihadistas tomaram nesta terça-feira de milicianos curdos o controle de regiões de Tal Barak e de Tall Hamis, na província setentrional de Al-Hasakah, na Síria.

Segundo o Observatório Sírio de Direitos Humanos, militantes do Estado Islâmico do Iraque e da Síria e da Frente al-Nusra, vinculados à Al Qaeda, assim como membros de facções aliadas, tomaram essas localidades após combates contra as chamadas Unidades de Proteção Popular.

Após esses choques, os curdos decidiram se retirar. Dessa forma, os radicais islâmicos fizeram o domínio desses povos.

Os enfrentamentos entre jihadistas e curdos voltaram a ser frequentes no norte da Síria.

A estes choques se soma a intensificação dos combates desde sexta-feira passada entre o Estado Islâmico e outros grupos rebeldes em várias províncias setentrionais.

Os curdos representam 9% dos habitantes da Síria, e vivem, sobretudo, em Al-Hasakah e nas regiões de Afrin e Ayn al-Arab, na província de Aleppo. EFE