Levy diz que Governo pode adiar prazo para pagamento de tributos de domésticos

  • Por Agência Estado
  • 04/11/2015 16h44
Ministro da Fazenda, Joaquim Levy, durante evento com empresários em São Paulo na semana passada. 12/06/2015 REUTERS/Paulo Whitaker Reuters Joaquim Levy

O ministro da Fazenda, Joaquim Levy, disse que o Serpro está analisando os problemas no e-social e que, se for necessário, poderá adiar o prazo para o pagamento dos tributos sobre o salário de empregados domésticos. “Se for necessário adiar, a gente adia, porque é uma questão tecnológica”, afirmou.

Sexta-feira é o prazo final para emissão e pagamento da guia do e-social, que reúne tributos devidos pelos empregadores domésticos. Mas os contribuintes reclamam de dificuldades para o cadastro e a emissão da guia. 

Levy falou ao deixar o prédio do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), onde ocorre reunião da Câmara de Comércio Exterior (Camex). Sobre a reunião no MDIC, disse apenas que foi deliberativa e que ela continua.