Mercado espera PIB menor e inflação a 6,49% ao ano em 2015

  • Por Jovem Pan
  • 02/12/2014 09h05

O mercado espera um PIB (Produto Interno Bruto) menor e uma inflação a 6,49% no ano que vem, segundo relatório Focus. A projeção de crescimento da economia recuou de 0,8% para 0,77%, de acordo com o Banco Central.

Para este ano, a estimativa para a inflação se manteve em 6,43% e o esperado para o PIB registrou leve retração, de 0,2% para 0,19%. O economista Alex Agostini disse que o Brasil paga o ônus de não ter tomado providências diante do baixo crescimento e da inflação elevada.

*Ouça os detalhes no áudio

A economista Alessandra Ribeiro acredita que 2015 será um ano de ajuste e de pagar as contas de uma política equivocada nos últimos anos. De acordo com ela, o mercado financeiro aposta em aumento da inflação e menor crescimento do PIB até o final do ano.

Às vésperas da reunião do Copom, mercado manteve estimativa de que a taxa Selic subirá mais 0,25 ponto porcentual em dezembro para 11,5%. Em entrevista a Denise Campos de Toledo, o estrategista Luciano Rostagno acredita em uma alta ainda maior da taxa básica de juros.

Em relação ao câmbio, o relatório Focus mostrou que as projeções para o dólar no fim de dezembro foi mantida em R$ 2,55. Já para 2015, a cotação da moeda americana subiu de R$ 2,65 para R$ 2,67 de uma semana para outra.