Mercosul aposta na Copa do Mundo para fortalecer turismo

  • Por Agencia EFE
  • 10/01/2014 18h45

Caracas, 10 jan (EFE).- Autoridades de Turismo dos países do Mercosul chegaram nesta sexta-feira a um acordo em reunião em Caracas para reforçar suas campanhas de promoção turística nos mercados asiáticos e estabelecer uma estratégia comum para aproveitar o fluxo de visitantes que o Brasil receberá neste ano durante a Copa do Mundo.

“Abordamos a necessidade de aproveitar esses eventos únicos de nível mundial para que todo o continente possa se beneficiar com essa projeção graças a esses eventos esportivos”, disse a jornalistas o ministro de Turismo da Venezuela, Andrés Izarra, anfitrião do encontro.

O objetivo é fazer com que o fluxo de visitantes que forem assistir a jogos da Copa e os que vierem ao Rio de Janeiro em 2016 em função dos Jogos Olímpicos conheçam também os demais países do Mercosul e os ajude a captar divisas.

Para isso, representantes de Brasil, Argentina, Uruguai e Venezuela analisaram a possibilidade de aumentar as conexões aéreas entre os países e facilitar a entrada de turistas do bloco mediante o uso de um cartão migratório único, destacou Izarra.

A agenda da reunião incluiu também a necessidade de estimular a promoção turística conjunta em mercados fora da região, especialmente em Japão, China e Coreia do Sul, que são “de grande interesse para todo o Mercosul”, afirmou Izarra.

Os funcionários encarregaram as equipes técnicas de desenvolver linhas de trabalho para atender estes mercados, recomendações que serão depois abordadas na cúpula de presidentes do bloco que será realizada no dia 31 de janeiro em Caracas.

O Brasil esteve representado na reunião do Mercosul pelo ministro do Turismo, Gastão Vieira. EFE