Ministro acusa namorado de irmã da Miss Honduras de assassiná-las

  • Por Agencia EFE
  • 19/11/2014 17h59

Tegucigalpa, 19 nov (EFE).- A Miss Honduras Mundo 2014, María José Alvarado, e sua irmã Sofía Trinidad, teriam sido assassinadas pelo namorado da segunda jovem, afirmou nesta quarta-feira o ministro de segurança do país, Arturo Corrales.

“Sabemos Plutarco Antonio Ruiz Rodríguez, namorado de Sofía, e Aris Maldonado Mejía são os responsáveis. Acreditamos que Plutarco seja o autor material e intelectual”, detalhou o ministro.

Os dois acusados já estão detidos desde ontem. De acordo com a imprensa hondurenha, o crime teria sido cometido depois que o namorado teve uma crise de ciúmes, ao ver Sofía dançando com outro homem durante a festa de aniversário do rapaz, que aconteceu na quinta-feira passada, na cidade de Santa Bárbara.

O casal discutia, quando ele sacou uma arma e disparou. A Missa Hondura tentou fugir, mas também foi baleada e morreu.

María José Alvarado viajou da capital Tegucigalpa para Santa Bárbara, distantes 400 quilômetros, justamente para a festa do cunhado, segundo relato de Teresa Muñoz, mãe das vítimas.

O corpo das irmãs foram localizados hoje no setor da aldeia Cablotales, em Santa Bárbara, concluindo buscas que começaram no último sábado, quando o desaparecimento foi informado às autoridades.

Com 19 anos, María José Alvarado era detentora do título de Miss Honduras Mundo 2014, e hoje deveria estar viajando para Londres, onde participaria do Miss Mundo, que acontecerá em 14 de dezembro. EFE