Ministro da Justiça admite falta de recursos para a segurança pública

  • Por Jovem Pan
  • 31/07/2014 10h27

O Ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, admitiu a falta de recursos para a segurança pública no Brasil, durante palestra nesta quarta-feira em São Paulo. Cardozo declarou que falta dinheiro para todas as áreas, ressaltando que o problema não atinge somente a esfera federal, mas também os estados.

Um pesquisa da Fundação Getúlio Vargas, divulgada ontem (30), apontou que a maioria dos policiais está insatisfeita e quer mudanças nas corporações. Questionado sobre a pesquisa, que elencou baixos salários e contingente insuficiente como os principais problemas.

*Ouça o detalhes no áudio.

Outra conclusão é de que 43% dos entrevistados acreditam que o policial que mata um criminoso deveria ser premiado. A secretária Nacional de Segurança Pública, Regina Miki, avalia que este comportamento resulta da impunidade da justiça brasileira.

Outra queixa levantada por 80% dos consultados foi a rivalidade entre diferentes corporações policiais. De acordo com o pesquisador Renato Sérgio de Lima, a falta de integração dificulta o crescimento das polícias municipais no Brasil.

Na pesquisa, 38% dos policiais disseram que se pudessem voltar no tempo, não optariam novamente pela carreira. O levantamento faz parte do Fórum Brasileiro de Segurança Pública, promovido pela FGV e a Secretaria de Segurança Nacional.