Ministro turco confirma que policial matou embaixador russo em Ancara

  • Por EFE
  • 19/12/2016 17h43
Turquia

O ministro do Interior da Turquia, Süleyman Soylu, confirmou que o homem que assassinou o embaixador russo no país, Andrey Karlov, é um policial que fazia parte das forças especiais da capital.

Nascido em 1994, em Söke, uma cidade no oeste da Turquia, o atirador foi identificado como Mevlüt Mert Altintas. Ele estava há dois anos e meio nas forças especiais, afirmou o ministro em entrevista coletiva realizada após o ataque.

O embaixador russo morreu no hospital depois de ter sido atingido pelas costas por Altintas, que aproveitou que o diplomata faria um discurso durante uma visita a uma exposição fotográfica dedicada à Rússia para promover o ataque.