Morrem 2 refugiados e 64 são resgatados após naufrágio de bote no mar Egeu

  • Por Agencia EFE
  • 23/06/2015 07h45

Istambul, 23 jun (EFE).- Pelo menos duas pessoas morreram afogadas na madrugada desta terça-feira quando uma embarcação com cerca de 70 refugiados sírios afundou em frente ao litoral da Turquia, enquanto 64 foram resgatadas e outras quatro continuam desaparecidas.

O bote inflável tinha partido do litoral de Bodrum, uma cidade turística no oeste da Turquia, e se dirigia à ilha grega de Kos, a cerca de 6 quilômetros de distância, informou a agência “Anadolu”.

As autoridades litorâneas da Turquia foram alertadas por pescadores e enviaram patrulheiras e um helicóptero. As equipes conseguiram resgatar 64 pessoas, além de recuperar os corpos de uma mulher e de uma criança que tinham se afogado.

Outras quatro pessoas seguem desaparecidas e as buscas continuam, acrescentou a agência citada.

A Turquia abriga cerca de 1,7 milhões de sírios que fugiram da guerra civil em seu país e muitos deles tentam atravessar o mar Egeu para entrar na Grécia para ter acesso a outros países da União Europeia.

A Turquia permite a estadia indefinida de todos os refugiados sírios, mas ainda não aplicou as leis que permitiriam aos mesmos trabalhar de forma legal. Com isso, a grande maioria deles subsiste graças a empregos clandestinos. EFE