Alemanha alivia restrições em fronteiras terrestres

As medidas serão afrouxadas na fronteira com Áustria, Suíça e França

  • Por Jovem Pan
  • 15/05/2020 20h01
EFE/Hayoung Jeon

A Alemanha facilitou as restrições ao tráfego nas fronteiras com Áustria, Suíça e França a partir da meia-noite deste sábado (19h desta sexta-feira em Brasília), permitindo a visita de familiares de pessoas não alemãs pela primeira vez desde o começo da pandemia de coronavírus.

Segundo um comunicado emitido pela Polícia Federal alemã nesta tarde, agora será possível visitar um namorado ou parceiro com quem não haja vínculo legal e a parentes como filhos, pais ou avós, além de participar de eventos como casamentos, funerais e cerimônias religiosas.

Entre os novos casos que serão considerados como motivos válidos para entrar no país estão também os estudos universitários e a formação profissional, bem como os cuidados de uma segunda residência, fazendas ou animais.

No entanto, a declaração adverte que os controles nas fronteiras com Áustria, Suíça e França, implementados em 15 de março para retardar a propagação do coronavírus, serão mantidos pelo menos até 15 de junho, e permanecerá em vigor proibições de entrar no país para turismo ou compras.

A polícia ressaltou que essas novas razões válidas para entrar na Alemanha aplicam-se apenas nas fronteiras terrestres, enquanto as restrições às viagens aéreas da Itália e da Espanha permanecerão inalteradas por enquanto.

Na última quarta, a chanceler Angela Merkel e o ministro do Interior, Horst Seehofer, já haviam dito de Berlim que os controles seriam gradualmente afrouxados a partir do fim de semana, com vistas à remoção definitiva no dia 15 de junho.

*Com informações da EFE