Américas somam 64% das mortes pelo coronavírus no mundo

Países da América do Norte, Central e Sul tem também a maior porcentagem de infectados pela doença

  • Por Jovem Pan
  • 15/07/2020 06h01
Foto: Altemar Alcantara / Prefeitura ManausCerca de 77% das mortes pela doença na última semana se concentraram no Brasil, México e Estados Unidos

As mortes por coronavírus nas Américas somam 64% das vítimas da doença em âmbito global. Segundo a Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS/OMS), o continente abriga, também, 60% dos infectados pela Covid-19 no mundo — apesar de alguns dados indicarem uma incipiente redução de casos da doença. Segundo a diretora da OPAS, Carissa Etienne, 77% das mortes pela doença na última semana se concentraram no Brasil, México e Estados Unidos.

Carissa também pontua que a América Latina e Caribe se tornaram a segunda região mais afetada pela pandemia de coronavírus, atrás apenas da Europa. O órgão atribuiu o fato as altas taxas de desigualdade nos países da região, fraquezas em seus sistemas de saúde e a forte presença de uma economia informal, que influenciou a reabertura precoce da atividade econômica em algumas regiões. 

Na última terça-feira, 14, a OPAS afirmou que o Brasil não atingiu imunidade de rebanho contra o coronavírus. O termo é usado pra definir uma situação de proteção coletiva, em que grande parte da população está imunizada e impede o surto de se alastrar. “Para atingir essa imunidade, é estimado que entre 50% e 80% da população de determinado local precisa estar imune ou ter sido infectada pelo vírus”, explicou o diretor para doenças infecciosas do órgão, Marcos Espinal.