Apagão atinge quase toda a Venezuela: governo fala em ‘ataque’ e Guaido vê ‘falência do regime’

  • Por Jovem Pan
  • 23/07/2019 06h56 - Atualizado em 14/09/2019 20h50
EFEEsse é o segundo grande apagão do ano

Depois de ter passado praticamente uma semana parada, em março, pela falta de energia elétrica, a Venezuela sofreu um novo blecaute nesta segunda-feira (22). Cerca de 23 dos 24 estados foram atingidos pelo apagão, que teve início por volta das 16 horas e 40 minutos do horário local.

Sem mais detalhes sobre o que causou o blecaute, a população ficou o resto do dia sem energia elétrica. A falta de luz prejudicou o metrô de Caracas, dificultando a mobilidade dos habitantes. Algumas pessoas não conseguiam comprar comida, já que os sistemas de cartões não estavam funcionando.

O governo do presidente Nicolás Maduro emitiu um comunicado dizendo que houve um ataque contra o “sistema de geração hidrelétrica de Guayana”, principal provedor de energia do país. A nota, narrada por um locutor, também afirma que o suposto ataque não afetará o governo, além de prometer uma resposta.

Enquanto isso, o autoproclamado presidente interino, Juan Guaido, se pronunciou pelo Twitter afirmando que essa foi uma medida do governo para racionamento e que o fracasso da gestão é “evidente”.

*Com informações da repórter Camila Yunes