Após notícia sobre novo processo, Ghosn usa o Twitter e diz que se prepara para ‘dizer a verdade’

  • Por Jovem Pan
  • 03/04/2019 13h03
EFE“Vou fazer uma conferência de imprensa nesta quinta-feira, 11 de abril”, escreveu na mensagem. A mensagem foi publicada primeiro em inglês e depois em japonês

O ex-presidente da Nissan, Carlos Ghosn, abriu uma conta no Twitter neste mês e postou uma mensagem pela primeira vez durante a madrugada desta quarta-feira (03), horário de Brasília, em que diz que está se preparando para “dizer a verdade” sobre o que está ocorrendo.

“Vou fazer uma conferência de imprensa nesta quinta-feira, 11 de abril”, escreveu na mensagem. A mensagem foi publicada primeiro em inglês e depois em japonês.

A reação vem horas depois de uma reportagem do jornal Yomiuri dizer que procuradores preparavam uma nova denúncia contra o ex-executivo devido a supostos pagamentos que a montadora fez a um parceiro de negócios em Omã.

Carlos Ghosn foi preso em Tóquio, no Japão, em novembro do ano passado e enfrenta acusações de má conduta financeira e violação de confiança por supostamente omitir cerca de US$ 82 milhões em salários e transferir, de forma temporária, suas perdas pessoais para a Nissan durante a crise financeira.

De acordo com os termos da fiança de US$ 9 milhões, o ex-presidente da montadora não tinha permissão para usar a internet, mas há a possibilidade de o tuíter ter sido publicado com o seu nome.

Segundo os termos para sua liberdade, Ghosn também não pode sair do Japão e deve ser vigiado por câmeras de segurança instaladas em sua residência.