Após troca de acusações, Macron e Trump se reúnem antes da Cúpula do G7

  • Por Agência EFE
  • 08/06/2018 16h36
Agência EFEPresidentes dos dois países se reuniram antes do encontro do G7, realizado no Canadá

Os presidentes da França, Emmanuel Macron, e dos Estados Unidos, Donald Trump, finalmente se encontraram nesta sexta-feira (8) pouco antes do início da Cúpula do G7 no Canadá, segundo revelou o próprio governante francês no Twitter.

“Buscando a conversa. Envolvendo, mantendo o diálogo vivo, agora e sempre. Compartilhando, buscando, sempre, promover os interesses do povo francês e todos aqueles que acreditam em um mundo que possamos construir juntos”, escreveu Macron em sua mensagem.

“Com o presidente Trump, antes da abertura da Cúpula do G7”, concluiu Macron, que publicou dois tweets com o mesmo conteúdo em francês e em inglês.

A mensagem está acompanhada de um vídeo de dez segundos de duração, no qual se vê Trump e Macron sentados em um sofá enquanto conversam de forma amigável e relaxada em La Malbaie, onde hoje começou a Cúpula do G7.

Anteriormente, a Casa Branca tinha anunciado o cancelamento deste encontro bilateral porque o presidente americano tinha chegado atrasado ao evento.

O anúncio da anulação aconteceu no contexto da guerra de acusações na qual os dois governantes se envolveram nas últimas horas no Twitter.

Ontem, Trump acusou Macron e o primeiro-ministro canadense, Justin Trudeau, de cobrar dos EUA “tarifas maciças”, depois que ambos governantes advertiram que serão firmes com Washington.

Por sua parte, o presidente francês alertou a seu homólogo americano que a Cúpula do G7 pode terminar com um acordo assinado somente por seis países e sem os EUA.