Avião cai logo após decolar em Havana, Cuba

  • Por Jovem Pan
  • 18/05/2018 14h28 - Atualizado em 18/05/2018 16h25
Wikimedia Commons Torre de controle do aeroporto de Havana, em Cuba

Um Boeing 737, avião de grande porte, caiu logo após decolar do Aeroporto Internacional José Martí, em Havana, nesta sexta-feira (18), informam veículos locais de imprensa.

Cerca de 113 pessoas estariam a bordo, sendo 104 passageiros e 9 tripulantes. Ainda não informações sobre vítimas.

O presidente cubano, Miguel Díaz-Canel, está neste momento no local do acidente junto com autoridades do Ministério do Interior e do Partido Comunista de Cuba.

Segundo informações preliminares, a aeronave teria perdido o controle logo após decolar e caiu em uma área rural, entre a região sul de Havana e a cidade vizinha, Santiago de Las Vegas, onde foi ouvida uma explosão.

O acidente teria acontecido com um avião da Blue Panorama Airlines arrendado pela Cubana de Aviación. O destino da aeronave seria a província de Holguín, a leste do país.

Moradores da região afirmam terem visto sobreviventes sendo levados por ambulâncias. Um militar que se recusou a fornecer seu nome aos repórteres disse que parecia haver apenas três sobreviventes dentre os 104 passageiros e a tripulação, de 9 pessoas. Outros funcionários se recusaram a confirmar essa informação.

A aeronave era alugada pela companhia. A Cubana desativou muitos de seus aviões antigos nos últimos meses, devido a problemas mecânicos.

O presidente da Corporação da Aeronáutica Civil de Cuba, Roberto Peña, disse que já foi iniciada a investigação das causas do acidente.

*Com informações de Estadão Conteúdo e Agência EFE