‘Aviões Boeing 737 MAX 7 e 8 devem ficar imediatamente em terra’, diz Trump

  • Por Jovem Pan
  • 13/03/2019 16h24 - Atualizado em 13/03/2019 16h31
EFE/Stephen B. MortonAcidente com o modelo da Boeing é o segundo em menos de um ano

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, anunciou nesta quarta-feira, 13, que seu país também decidiu manter em terra os modelos 737 MAX 7 e 8 da Boeing. A decisão acontece após um acidente no último domingo com uma dessas aeronaves na Etiópia. Segundo Trump, a Boeing é uma “grande empresa”, mas a decisão já foi comunicada a companhias e aos pilotos.

O presidente americano disse ainda que o órgão regulador do espaço aéreo dos EUA fará um anúncio nesta tarde detalhando a medida.

A Agência Europeia de Segurança Aérea (EASA) também determinou a suspensão de todos os voos com aeronaves do modelo Boeing 737 MAX. Em comunicado, a entidade disse que é uma “medida preventiva”, para “garantir a segurança de todos os passageiros”.

O acidente com o avião da Ethiopian Airlines, que se dirigia da capital etíope, Adis Abeba, a Nairóbi, no Quênia, é o segundo em menos de um ano com um Boeing 737 MAX. Em outubro de 2018, um avião do mesmo modelo da companhia Lion Air caiu na Indonésia 12 minutos após a decolagem, provocando a morte de 189 pessoas.

*Com informações do Estadão Conteúdo