Boris Johnson vence no Reino Unido e promete Brexit até 31 de janeiro

  • Por Jovem Pan
  • 13/12/2019 07h25 - Atualizado em 13/12/2019 07h26
EFE/EPA/NEIL HALLSegundo ele, a vitória do Partido Conservador "põe fim à ameaça de um segundo plebiscito" sobre o tema

Em seu discurso de vitória após a eleição geral do Reino Unido, o primeiro-ministro Boris Johnson disse, nesta sexta-feira (13), que o resultado das urnas é um sinal de que o Brexit — como é conhecido o processo para retirar o país da União Europeia (UE) — precisa ser implementado.

“Eu vou implementar o Brexit até 31 de janeiro”, disse Johnson, referindo-se à data final concedida pela UE para que a separação se concretize.

Segundo ele, a vitória do Partido Conservador “põe fim à ameaça de um segundo plebiscito” sobre o tema. O primeiro plebiscito, que foi a favor do Brexit, ocorreu em junho de 2016. Johnson disse ainda que se sente “honrado” pelos britânicos terem depositado sua confiança nele e que jamais irá subestimar o apoio que recebeu.

Uma projeção baseada em apuração preliminar indica que os conservadores deverão ficar com 364 de 650 assentos no Parlamento, 68 a mais do que todos os outros partidos juntos. Se confirmada, será a maior vitória do Partido Conservador desde 1987.

*Com Estadão Conteúdo