Carro invade pizzaria na França, deixa uma adolescente morta e 12 feridos

  • Por Jovem Pan com Agência EFE
  • 14/08/2017 19h26 - Atualizado em 14/08/2017 19h37
Polícia francesa isola local em que carro invadiu pizzaria, matou uma adolescente e deixou outras 12 pessoas feridas

Um carro invadiu nesta segunda-feira (14) uma pizzaria na cidade de Sept-Sorts, nos arredores de Paris, e atingiu pessoas que estavam em frente e dentro do estabelecimento, o que causou a morte de uma menina e deixou outras 12 pessoas feridas. De acordo com investigações preliminares, trata-se um ato intencional, mas com poucos indícios de ter sido um ato terrorista.

O porta-voz do Ministério do Interior da França, Pierre-Henry Brandet, afirmou que ainda que “não possa ser descartada” a hipótese de terrorismo, “não é a mais provável” devido às primeiras informações sobre o motorista.

O motorista do veículo, que foi detido por policiais, é um homem de nacionalidade francesa nascido em 1985 e sem antecedentes criminais, que na semana passada tinha tentado se suicidar e que – segundo um depoimento inicial – também teve a intenção de se matar com o ato desta segunda, afirmou Brandet à rede de televisão “BFMTV”.

Na mesma linha que o porta-voz ministerial, o Ministério Público de Meaux destacou que, “a priori”, o caso não parece se tratar de uma ação terrorista.

O Ministério Público de Paris – que tem competência em matéria terrorista em todo o território francês – não assumiu as investigações.

O atropelamento aconteceu pouco depois das 20h (hora local; 15h de Brasília) em Sept-Sorts, uma pequena cidade de 450 habitantes a 40 quilômetros a leste de Paris.

Segundo o subdelegado do governo do distrito de Torcy, que foi entrevistado pela rádio “France Info”, a menina que morreu tinha 12 anos. Ele também disse que oito pessoas foram feridas gravemente e uma de forma leve.rede de televisão “BFMTV” mostrou imagens do carro, um BMW azul, dentro da pizzaria.