Com poucos leitos de UTI, Peru supera 500 mortes por coronavírus

  • Por Jovem Pan
  • 22/04/2020 20h35
Tiago Petinga/EFE46 óbitos ocorreram nas últimas 24 horas, enquanto o número de casos de infecção se aproximou de 20 mil, com 19.250

O Peru registrou, até esta quarta-feira (22), 530 mortos pelo novo coronavírus. 46 óbitos ocorreram nas últimas 24 horas, enquanto o número de casos de infecção se aproximou de 20 mil, com 19.250. Hoje, foram contabilizados mais 1.413 casos confirmados.

O país tem somente 500 leitos de UTI, distribuídos de forma desigual no território.

Embora o total de doentes seja inferior aos dos dias anteriores em termos percentuais, o aumento sustentado e elevado dos números nos últimos dias, mesmo com mais de um mês de isolamento social, aproximou o país cada vez mais dos limites de seus recursos.

Nesta quarta, o presidente Martín Vizcarra se reuniu com o Conselho de Ministros para analisar as decisões que serão tomadas em relação ao fim do período de quarentena, marcado para o próximo domingo.

Números atualizados

O relatório de hoje indica que, até o momento, foram realizados 170.400 testes nacionalmente, 14.676 deles de ontem para hoje, entre análises moleculares e rápidas.

Além dos 151.150 casos negativos, 7.027 pessoas já tiveram alta, enquanto 2.434 permanecem hospitalizadas. Desse último grupo, 396 permanecem em Unidades de Terapia Intensiva (UTIs), 16 a mais que na terça.

Equipamentos de proteção

Após dias de protestos de médicos e enfermeiros de vários hospitais do país por falta de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), o sistema de Previdência Social Essalud informou que enviou novos carregamentos de equipamentos e suprimentos médicos.

Os profissionais vinham reclamando que quase não receberam máscaras e luvas, e que em alguns lugares tiveram que reutilizar o material além do que era recomendado.

* Com EFE