Equador registra 95 mortes por Covid-19 em meio à reabertura gradual

  • Por Jovem Pan
  • 25/05/2020 16h53
Marlon Costa/Estadão ConteúdoAté o momento, 3.946 pacientes receberam alta hospitalar e 3.560 foram considerados recuperados da doença

O Equador anunciou nesta segunda-feira 599 casos de Covid-19 e 95 mortes registradas nas últimas 24 horas, em meio à suspensão gradual da quarentena e a uma agitação social devido à crise econômica que acompanha a pandemia.

De acordo com os números oficiais, o país totaliza 37.355 casos positivos de coronavírus, com 3.203 mortes. Paralelamente, a quantidade de “prováveis mortos” por Covid-19 chegou a 2.026.

Até o momento, 3.946 pacientes receberam alta hospitalar e 3.560 foram considerados recuperados da doença. Os dados começaram a ser computados em 29 de fevereiro, quando foi anunciado o primeiro “caso importado” de Covid-19 no país.

Por regiões, a província de Guayas, cuja capital é Guayaquil, concentra 48,7% do total de casos, o equivalente a 13.833, 48 a mais que o dia anterior. O total é de 1.390 mortes, 28 delas registradas desde domingo.

A segunda região mais afetada é a província andina de Pichincha, que tem Quito como capital, com 3.540 casos positivos, 12,5% do total. Desde domingo, as autoridades contabilizaram mais 135 casos e três mortes, chegando a 259 óbitos.

O Equador está em um processo de mudança de fase na estratégia para encarar a pandemia. O país busca passar do isolamento em massa para o distanciamento social, com a suspensão gradual e coordenada das restrições de movimentação aplicadas desde 16 de março, quando foi decretado um estado de exceção em todo o território nacional.

* Com EFE