Em 24h, Espanha tem dobro de curados em relação a novos casos de Covid-19

  • Por Jovem Pan
  • 30/04/2020 12h06 - Atualizado em 30/04/2020 12h07
Kai Forsterling/EFEDuas profissionais de saúde descansam nos arredores do Hospital La Fe de Valencia, na Espanha

As mortes diárias por Covid-19 na Espanha atingiram o nível mais baixo desde o dia 20 de março, com 268 novos óbitos nas últimas 24 horas. As informações foram divulgadas nesta quinta-feira (30) pelo Ministério da Saúde local.

O número total de vítimas no país até o momento é de 24.543, enquanto o número de infecções é de 213.435, após a adição de 1.309 novos casos do novo coronavírus confirmados por testes de PCR.

Já a quantidade de pacientes curados duplicou em relação aos novos casos, com mais de 3.103 pessoas que conseguiram superar a doença, totalizando 112.050, segundo dados do Ministério.

A tendência positiva da pandemia pode ser vista na medida em que o aumento de novos casos positivos é de apenas 0,6%, enquanto seis das 17 regiões espanholas não registraram nenhuma entrada em Unidades de Terapia Intensiva (UTI), e outras cinco apenas eles tinham uma única internação.

No entanto, a Espanha mantém um “risco significativo” de recaída e de colocar o sistema de saúde em uma situação crítica novamente, alertou o porta-voz do Ministério da Saúde para a pandemia, o epidemiologista Fernando Simón.

Com os números de hoje, o país permanece em quarto lugar no mundo em mortes, atrás apenas dos Estados Unidos, Itália e Reino Unido, e em segundo lugar globalmente por número de casos, superado somente pelos EUA.

A redução no número de infecções e mortes por Covid-19 permitiu ao governo anunciar um relaxamento parcial das regras rígidas para o confinamento da população, a partir do próximo sábado, quando será possível fazer caminhadas ou realizar exercícios físicos, mantendo sempre a distância social.

*Com informações da Agência EFE