Filho de infectado é confirmado como 6º caso de coronavírus na Alemanha

  • Por Jovem Pan
  • 31/01/2020 12h45
EFE/EPA/NARONG SANGNAKO governo da Alemanha reforçou nesta sexta-feira a recomendação de não viajar à China

O departamento de Saúde estadual da Baviera, na Alemanha, confirmou nesta sexta-feira (31) um sexto contágio do novo coronavírus no país. Desta vez a vítima é uma criança, filha de um dos infectados já conhecidos — que são 4 homens e 1 mulher que trabalham em uma empresa no Estado.

O governo alemão ainda aguarda os resultados de 110 exames realizados em pessoas que estiveram em contato com os afetados. A infecção já foi descartada para algumas pessoas.

Na quinta-feira (30) passada foi confirmado o quinto caso: um funcionário da empresa de componentes de automóveis Webasto. A origem dos contágios é uma mulher chinesa que havia feito um curso de capacitação na companhia.

Um avião das Forças Armadas da Alemanha partiu nesta manhã do aeroporto de Colônia para realizar a repatriação de cerca de cem alemães que residem na cidade chinesa de Wuhan, o epicentro da epidemia. Nenhum deles apresenta sintomas de contágio, mas ao voltarem ao país natal ficarão 14 dias em quarentena em uma instalação militar.

O governo da Alemanha reforçou nesta sexta-feira a recomendação de não viajar à China. Há alguns dias, o conselho era não viajar a Wuhan. Depois, a advertência passou a valer para toda a região de Hubei, onde fica a cidade, e agora para todo o país.

De acordo com o ministro da Saúde, Jens Spahn, a Alemanha está preparada para encarar esses casos e não há motivos para alarmismos.

*Com informações da EFE