Explosão no centro de Madri deixa pelo menos dois mortos e oito feridos

A principal suspeita é de vazamento de gás; uma das vítimas é uma mulher de 85 anos e a outra seria um homem que ainda não teve a idade divulgada

  • Por Jovem Pan
  • 20/01/2021 12h03 - Atualizado em 20/01/2021 17h14
Reprodução Twitter EmergenciasMadridO edifício onde houve a explosão fica em uma região movimentada do centro de Madri, entre uma escola e uma residência de idosos

Uma explosão atingiu um edifício na região central de Madri nesta quarta-feira, 20. O jornal local El País afirmou que o acidente aconteceu por volta das 15h do horário local (11h em Brasília) na Rua de Toledo, próximo ao Arco de Toledo, um ponto turístico da capital da Espanha. De acordo com a publicação local, pelo menos duas pessoas morreram e oito ficaram feridas. A prefeitura já informou, por meio das suas redes sociais, que ambulâncias foram enviadas ao local. O prédio fica em cima da igreja Virgen de La Paloma. Segundo a TVE, emissora pública espanhola, uma das vítimas é uma mulher de 85 anos. A outra seria um homem que não teve a idade divulgada.

Entre os feridos mais graves estão um homem de 26 anos, que foi transferido para La Paz em estado moderado-grave; um homem de 53 anos, que foi levado em estado moderado para Ramón y Cajal; e um outro homem que está com uma perna quebrada e encontrada no hospital de Clínicas local. “Os bombeiros vão ver se houve danos na parede contígua entre aquele prédio que explodiu e o da casa de saúde. Da mesma forma, caíram entulhos no pátio da escola anexo ao prédio ”, disse José Luis Martínez Almeida, prefeito de Madri.

Ao lado do edifício que explodiu há uma residência de idosos que já foi evacuada e uma escola que estava vazia devido à suspensão das aulas presenciais durante a pandemia do novo coronavírus. A emissora de televisão espanhola La Sexta afirma que a principal suspeita é de um vazamento de gás. Fontes policiais disseram que operadores de gás controlavam a instalação do edifício na hora da explosão. Imagens compartilhadas nas redes sociais mostram os destroços na região, que é repleta de bares, restaurantes e outros estabelecimentos comerciais. Inicialmente, fontes da polícia relataram que três pessoas tinham morrido, mas o serviço de Emergências da capital espanhola posteriormente confirmou dois óbitos por causa da explosão, que também deixou oito feridos. Testemunhas que estavam nas proximidades relataram como foi a explosão. “Foi brutal. Eu estava cruzando a rua, e foi ouvida uma explosão incrível. Nos viramos, e o edifício estava destroçado”, relatou a médica Lucía Higuera. O prédio teve ao menos quatro andares afetados. Nenhuma das pessoas na instituição de acolhimento que fica ao lado do local da explosão se feriu. “Nós vimos e ficamos todos parados, porque não sabíamos o que estava acontecendo. Não sabíamos se era uma explosão ou um atentado”, disse Higuera, que ajudou no atendimento aos feridos, logo após o incidente.

*Com informações da EFE