Foto mostra mala com 39kg de cocaína apreendida com militar brasileiro

  • Por Jovem Pan
  • 03/07/2019 10h49
ReproduçãoMala com 39kg de cocaína foi apreendida com militar que viaja em comitiva de apoio a Bolsonaro; investigações seguem

O jornal “El País” divulgou nesta quarta-feira (3) a foto da mala com 39kg de cocaína que foi apreendida com um militar brasileiro na terça-feira, 25 de junho, em Sevilha, na Espanha. Ele viajava em um avião da Força Aérea Brasileira em comitiva de apoio ao presidente Jair Bolsonaro.

A droga, como mostra a imagem, estava em 37 pacotes enrolados em fitas, com pouco mais de 1kg em cada um. A fotografia foi registrada ao lado do raio-x.

Manoel Silva Rodrigues é segundo sargento da Aeronáutica e reside em Taguatinga, em Brasília. Ele viajava em comitiva para acompanhar, em apoio, Bolsonaro na reunião do G-20 em Osaka, no Japão. O avião com o presidente estava programado para pousar em solo espanhol, mas mudou a rota para Portugal após o incidente.

Investigações

A polícia local da região da Andaluzia tenta descobrir agora qual era o destino da droga. De acordo com investigações, Manoel passaria a noite de escala em um hotel junto do restante da tripulação. Segundo o El País, o fato do militar não ter tentado esconder ou camuflar a droga acende suspeitas de que ele sabia que não seria submetido a qualquer tipo de segurança alfandegária.

Na segunda-feira (1), a polícia brasileira fez buscas em seu imóvel, em Taguatinga, no Distrito Federal. Sob sigilo, não se sabe se algo foi apreendido. Apesar de ter um apartamento na região do Plano Piloto, ele não morava no local cedido pelo Governo.

O Brasil vai enviar à Espanha uma equipe de militares para ouvir o que o sargento tem a dizer.