‘Guerra na Ucrânia não terá vencedor’, afirma ONU; Zelensky discorda e promete vitória

Conflito entre Rússia e Ucrânia chega ao seu centésimo dia sem previsão de cessar; negociações de paz estão paradas desde o fim de março

  • Por Jovem Pan
  • 03/06/2022 13h00
STRINGER / AFP guerra na ucrania não terá vencedor Conflito entre a Rússia e Ucrânia chega a 100 dias sem previsão de fim

O conflito entre a Rússia e Ucrânia chegou ao centésimo dia nesta sexta-feira, 3, e não tem perspectiva de acabar logo, até poque, representantes dos dois países não se reúnem para realizar negociações de paz desde o final de março, quando o último encontro aconteceu. Diante deste cenário, a Organização das Nações Unidas (ONU), afirmou que não haverá um vencedor na guerra no Leste Europeu que já está no seu quarto mês. “Esta guerra não tem e não terá vencedor”, afirmou Amin Awad em um comunicado. “Precisamos de paz. A guerra deve cessar”, acrescentou o funcionário da ONU.

Contudo, este não é o mesmo pensamento do líder ucraniano Volodymyr Zelensky, que aproveitou a data para prometer uma vitória de seu país. “A vitória será nossa”, disse. “Os representantes do Estado estão aqui, defendendo a Ucrânia há cem dias”, acrescentou o presidente em um vídeo de 36 segundos gravados na sede da Presidência, em Kiev, ao lado do primeiro-ministro Denys Chmygal e do líder do partido de governo David Arakhamia. Por sua vez, o Kremlin afirmou ter alcançado “certos” objetivos nos 100 dias de ofensiva, segundo o porta-voz da presidência russa, Dmitri Peskov, que observou que as tropas libertaram várias cidades do que ele descreveu como “forças armadas pró-nazistas da Ucrânia”.

001_32BR8H8_JÚltimos acontecimentos

*Com informações da AFP