Huawei pede à Justiça americana que declare bloqueio contra produtos inconstitucional

  • Por Jovem Pan
  • 29/05/2019 08h54
RUNGROJ YONGRIT / EFE"É pura especulação", disse o diretor jurídico da empresa sobre acusação do governo Donald Trump de espionagem

A Huawei anunciou, nesta quarta (29), que enviou à Justiça dos Estados Unidos um pedido para declarar inconstitucional a proibição do governo americano de comprar os produtos da gigante chinesa de telecomunicações.

O diretor jurídico da companhia, Song Liuping, afirmou que a Huawei entrou com uma moção para julgamento sumário e espera acelerar a ação judicial contra os EUA. O mecanismo permite que um juiz decida sem ter que realizar o julgamento em sua totalidade.

“O governo dos EUA não ofereceu hoje nenhuma evidência de que a Huawei é uma ameaça à segurança. É pura especulação”, disse o executivo. Washington acusa a gigante asiática de espionagem e a incluiu na lista negra de relações comerciais.

A guerra entre a empresa de telecomunicações e o governo de Donald Trump ocorre em meio a uma intensa disputa envolvendo os governos de EUA e China por cobranças de tarifas comerciais.

“O veto da Huawei só fornece uma falsa sensação de segurança para os EUA” e “distrai a atenção dos desafios reais enfrentados”, apontou Song, convencido de que essa situação “nunca antes vista na história” só busca tirar a empresa chinesa do tabuleiro.

Com Agência EFE