Iraniano é preso com facas perto de clube na Flórida que pertence a Trump

  • Por Jovem Pan
  • 11/01/2020 12h29
EFEO presidente norte-americano Donald Trump

A polícia de Palm Beach, no estado da Flórida, prendeu nesta sexta-feira (10) a poucos quilômetros do clube que pertence ao presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, um iraniano que portava várias facas e US$ 22 mil em espécie.

Segundo a imprensa local, Masoud Yareioeill Zoleh estava em uma das pontes que conecta a ilha de Palm Beach com West Palm Beach, já na área continental da cidade, quando foi detido pelos agentes.

A polícia de Palm Beach entrou em contato com o FBI, que está investigando o caso. Por enquanto, não há mais informações sobre a prisão do iraniano.

A ponte onde Zoleh foi preso está a quase sete quilômetros de distância do clube Mar-a-Lago, que pertence a Trump e é frequentemente visitado pelo presidente em recessos ou momentos de descanso. Apesar da proximidade, a polícia de Palm Beach não citou o local ao comentar a prisão do iraniano.

Estados Unidos e Irã vivem um momento de grande tensão depois da morte do general Qasem Soleimani, alvo de um ataque ordenado por Trump em Bagdá, capital do Iraque, no último dia 3 de janeiro. O governo iraniano prometeu vingar a morte de Soleimani e, cinco dias depois, lançou uma série de foguetes contra duas bases iraquianas que recebem tropas americanas em missão no país.

*Com EFE