Irlanda recomenda sexting e masturbação para evitar contágios

  • Por Jovem Pan
  • 01/04/2020 15h49
EFE/EPA/AIDEN CRAWLEYIrlanda, coronavírus

O programa de saúde sexual da Irlanda divulgou nesta quarta-feira (1º) um guia de atuação diante da pandemia do novo coronavírus, no qual recomenda o sexting (troca de mensagens e fotos íntimas pela internet) e a masturbação para evitar contágios, sempre acompanhada da lavagem das mãos, antes e depois da prática.

“Só se deve ser sexualmente ativo com alguém com quem você convive e que não tenha o vírus nem tenha apresentado sintomas”, ressalta o texto do HSE Sexual Health and Crisis Pregnancy Programme.

Embora a recomendação seja não ter relações sexuais nem beijar ninguém fora de casa, “se ocorrer, é importante limitar-se ao menor número possível de companheiros”, enfatiza a entidade.

O guia pede para que os irlandeses façam chamadas de vídeo, sexting e utilizem chats para se relacionar, e recomenda “desinfetar teclados e telas sensíveis ao toque quando compartilhados com outros”.

Sobre a masturbação, o guia garante que a prática “não expandirá o coronavírus, especialmente se as mãos e qualquer brinquedo sexual forem lavados com água e sabão durante pelo menos 20 segundos, antes e depois”.

*Com EFE