Israel proíbe chegada de voos comerciais por avanço da contaminação

  • Por Jovem Pan
  • 11/04/2020 13h02
Fernando Frazão/Agência BrasilA medida foi tomada após 70 pessoas procedentes de Nova York chegarem ao país

Israel proíbe, a partir deste sábado (11), a chegada de voos comerciais ao país até que medidas sejam implementadas para mover todos os passageiros para hotéis de quarentena. A decisão visa evitar a propagação do novo coronavírus.

A mudança, atribuída diretamente ao primeiro-ministro interino, Benjamin Netanyahu, foi tomada após 70 pessoas procedentes de Nova York chegarem ao país. Eles deixaram ao aeroporto em táxis e sem ter a temperatura tomada ou informar onde passariam a quarentena obrigatória.

Nos últimos dias, Israel tem tomado medidas severas para conter a propagação da pandemia, incluindo um toque de recolher na primeira noite do feriado de Pessach e restrições nas viagens.

Algumas das cidades com maior índice de infecção pelo coronavírus foram fechadas. Até o momento, o país registrou 96 mortes pela covid-19 e tem mais de 10.500 casos de transmissão confirmados.

*Com informações da EFE