Itália mantém tendência de alta e registra mais 626 casos de Covid-19

Preocupação com segunda onda da Covid-19 fez países da Europa endurecerem medidas novamente

  • Por Jovem Pan
  • 15/08/2020 14h17
EFE/EPA/CLAUDIO PERIO total de infecções na Itália desde o início da pandemia da Covid-19 chegou a 253.438

A Itália registrou neste sábado mais 626 casos de infecção pelo novo coronavírus, que provoca a Covid-19, o que mantém a tendência de alta dos últimos dias, segundo dados apresentados pelo Ministério da Saúde do país. De quarta-feira até ontem, os resultados positivos contabilizados em testes de diagnóstico foram de 481, 523 e 574, nessa ordem. Com isso, o total de infecções na Itália desde o início da pandemia da Covid-19 chegou a 253.438. Ainda de acordo com o Ministério da Saúde, nas últimas 24 horas, aconteceram mais quatro mortes em decorrência da doença causada pelo novo coronavírus, fazendo o montante de óbitos subir para 35.392 desde o início de fevereiro.

Vêneto, cuja capital é Veneza, que já era uma das mais afetadas pela primeira onda da pandemia, tem representado um crescimento acelerado nos últimos dias. A região, nas últimas 24 horas, teve mais 120 novos casos de infecção pelo novo coronavírus. Depois, aparece a Lombardia, com 94; a Emiglia-Romana, com 71; e o Lácio, com 58. As autoridades vêm apontando que o aumento de caso está relacionado à chegada de turistas estrangeiros e ao retorno de italianos que estavam de férias no exterior. Além disso, outro alvo são os estabelecimentos de entretenimento noturno, como boates, bares, entre outros. Por causa disso, algumas regiões estão decretando limitações a estas atividades.

*Com Agência EFE