Japão testará 10 mil pessoas para determinar extensão da Covid-19 no país

  • Por Jovem Pan
  • 15/05/2020 11h49
Claudio Furlan/Estadão ConteúdoOs testes serão realizados nas províncias onde foi registrado um elevado número de positivos, incluindo Tóquio e Osaka

O Japão anunciou nesta sexta-feira (15) que testará a partir de junho cerca de 10 mil pessoas para detecção de anticorpos contra a Covid-19. O objetivo é conhecer mais sobre a doença e extensão da epidemia no país.

Os testes serão realizados nas províncias onde foi registrado um elevado número de positivos, incluindo Tóquio e Osaka; assim como em algumas que contaram com poucas, como Miyagi, de acordo com o plano detalhado pelo ministro da Saúde, Katsunobu Kato.

A iniciativa visa determinar quanto o vírus se espalhou nessas áreas e a possibilidade de alcançar, quando houver uma vacina, a chamada imunidade de grupo, que é quando a maioria da população terá imunidade para uma doença por meio de vacinação ou contágio prévio.

As autoridades também esperam que os dados do estudo os ajudem a formular perspectivas sobre o número de infecções no caso de um hipotético segundo surto e que sirvam para investigar a produção de anticorpos e sua duração, de acordo com detalhes coletados pela emissora pública japonesa “NHK”.

O teste de anticorpos utiliza uma amostra de sangue e leva menos tempo para produzir resultados do que o teste predominante de reação em cadeia da polimerase (PCR), embora também seja menos preciso.

Outros países estão realizando testes de anticorpos para Covid-19 e, embora existam pesquisadores universitários no Japão que tenham iniciado a coleta desses dados, será a primeira vez que o governo realiza esse tipo de teste nessa escala.

*Com informações da EFE