Jovem turca de 2,10 metros entra para o Livro dos Recordes como a mulher mais alta do mundo

Rumeysa Gelgi, de 24 anos, tem condição rara de saúde e já foi incluída no Guinness outra vez

  • Por Jovem Pan
  • 12/10/2021 21h27 - Atualizado em 12/10/2021 21h27
Reprodução/ Guinness World RecordsRumeysa Gelgi, de 24 anos, mora na Turquia e tem condição de saúde rara

Rumeysa Gelgi, de 24 anos, uma mulher de 2,10 metros da província de Karabuk, na Turquia, entrou para o Guinness World Records como a mulher mais alta viva no mundo. Segundo ela mesma, sua altura é de 2,15 metros e é o resultado de uma condição rara chamada síndrome de Weaver, que causa o crescimento acelerado. “Cada desvantagem pode ser transformada em uma vantagem para você, então aceite-se como é. Esteja ciente de seu potencial e dê o seu melhor”, disse Gelgi em entrevista. Ela já tem seu nome no Livro dos Recordes. Em 2014 ela recebeu o título de adolescente mais alta viva. Por conta de sua condição rara, Gelgi precisa de uma cadeira de rodas para se locomover e, as vezes, anda com andador. O editor-chefe do Guinness, Craig Glenday, comentou sobre a jovem. “Seu espírito indomável e orgulho de se destacar na multidão são uma inspiração”, comentou. Na categoria masculina, o sultão Kosen é o homem mais alto do mundo com 2,51 metros, eleito em 2018. Ele também é da Turquia.