Não estamos atingindo o melhor cenário na busca por vacina, diz consultor da OMS

Bruce Aylward sinalizou que isso não foge do esperado, considerando normais as interrupções como a da AstraZeneca

  • Por Jovem Pan
  • 10/09/2020 12h58 - Atualizado em 10/09/2020 13h02
EFE/EPA/RUNGROJ YONGRITA empresa informou que parou o teste diante de um caso de efeito colateral grave à vacina em um dos pacientes no Reino Unido

O consultor sênior da Organização Mundial de Saúde (OMS), Bruce Aylward, afirmou nesta quinta-feira (10) que não tem sido atingido o melhor cenário possível na busca por uma vacina para a Covid-19. Durante entrevista coletiva, porém, ele sinalizou que isso não foge muito do esperado — considerando normais as interrupções como a da AstraZeneca nesta semana. A companhia paralisou sua Fase 3 de ensaios clínicos após um paciente do Reino Unido ter reação adversa à vacina. Nesse quadro, Aylward afirmou que deve haver resultados da Fase 3 de testes “no mínimo” no fim deste ano ou no início de 2021.

Já Soumya Swaminathan, cientista-chefe da OMS, considerou um “procedimento normal” o fato de a AstraZeneca ter interrompido a Fase 3 de ensaios clínicos de sua vacina. Ela disse, durante a entrevista, que esse é “um lembrete dos altos e baixos” na busca por um imunizante eficaz. Soumya disse que é preciso ainda esperar para se saber detalhes sobre esse episódio. A empresa até agora informou que parou o teste diante de um caso de efeito colateral grave à vacina em um dos pacientes no Reino Unido. A cientista-chefe da OMS afirmou, ainda, que os envolvidos agora devem revisar os dados e decidir sobre os próximos passos. Swaminathan ressaltou que é preciso esperar para ver se elas serão de fato eficazes, mas também disse que a maioria das candidatas que superaram a Fase 2 de testes mostrou “resultados promissores” até agora.

*Com informações do Estadão Conteúdo