Netanyahu tenta reeleição em Israel; Gantz é um dos favoritos

  • Por Jovem Pan
  • 09/04/2019 14h54
DEBBIE HILL/ASSOCIATED PRESS/AEComposição do Parlamento definirá quem será o primeiro-ministro

As pesquisas de intenção de voto em Israel mostram o atual primeiro-ministro Benjamin Netanyahu e o ex-chefe de Estado-Maior das Forças Armadas, Benny Gantz, próximos na disputa pelo apoio das 120 cadeiras do Parlamento do país, que serão definidas nesta terça-feira, 9. Dos eleitos, será escolhido o futuro primeiro-ministro. Cerca de 6 milhões de eleitores vão às urnas hoje.

Em Israel, os eleitores votam diretamente em partidos e não em pessoas. Os assentos no Parlamento são divididos com base na porcentagem de votos que cada grupo recebe.

Depois dos resultados, o presidente de Israel, Reuven Rivlin, se reúne com chefes de partidos e os indicados por eles ao cargo de primeiro-ministro. O mandatário então seleciona um parlamentar, que tem 42 dias para formar um governo.

Netanyahu busca a reeleição pela quinta vez. Além dele, estão nas disputa outros 11 candidatos, entre os quais Benny Gantz e Yair Lapid.

Em discussão estão o projeto de lei que fixa regras sobre o serviço nacional para a população ultraortodoxa e as questões relativas à Faixa de Gaza.

O Knesset, como é chamado o Parlamento de Israel, é dominado pelo Likud, partido de Netanyhu e seus aliados. Desde que Israel foi fundado em 1948, nenhum partido formou uma maioria absoluta.

O Azul e Branco, chamado de Kachol Lavan e cujo líder é Beni Gantz,, é o partido de principal coalização opositora, formada em fevereiro por três partidos.

Além do Azul e Branco e do Likud, outros dois partidos que devem formar parte significativa do Parlamento são o Trabalhista, liderado por Avi Gabai, e o Nova Direita, fundado recentemente e liderado pelo ministro da Educação, Naftali Benet, e pelo ministro da Justiça, Ayelet Shaked.

Netanyahu está no poder há quase 13 anos e enfrenta resistências internas devido a investigações por desvios de conduta.

*Com agências internacionais