Peronista Alberto Fernández assume presidência da Argentina

  • Por Jovem Pan
  • 10/12/2019 13h40 - Atualizado em 10/12/2019 13h51
Reprodução / TwitterAlberto Fernández e Cristina Kirchner tomaram posse nesta segunda-feira (10)

O peronista Alberto Fernández tomou posse nesta terça-feira (10) como chefe de Estado da Argentina, em cerimônia no Congresso da Nação, em Buenos Aires, diante das autoridades estatais e na presença de vários líderes internacionais, entre eles o vice-presidente do Brasil, Hamilton Mourão.

Na sessão da Assembleia Legislativa, órgão parlamentar que inclui senadores e deputados, Fernández recebeu do seu antecessor, Mauricio Macri, a faixa e o bastão presidenciais e fez o juramento de posse perante a senadora Gabriela Michetti, que está de saída.

Depois disso, a ex-presidente e agora vice, Cristina Kirchner, fez o mesmo.

O novo presidente foi empossado diante de muitos apoiadores, que fizeram diversas manifestações, com cantos e palavras de ordem. Fernández e Kirchner, em seguida, juraram desempenhar os cargos com “lealdade e patriotismo”, e garantir o respeito à Constituição.

Fernández, neste mandato, enfrentará um complicado cenário econômico, marcado pela forte dívida pública, uma moeda nacional fragilizada, a alta constante dos preços, além da escalada do desemprego e dos níveis de pobreza.

Depois que discursar para os parlamentares e outros chefes de Estado e representantes de governos, o presidente empossado e a vice desfilariam de carro pela Avenida de Maio, com destino à Casa Rosada, sede do governo do país.

Enquanto Fernández e Kirchner receberão o cumprimento de autoridades e lideranças internacionais, acontecerá na Praça de Maio, onde está a Casa Rosada, um festival popular, com diversos eventos culturais.

*Com informações da EFE