Peru: depois de preso, ex-presidente Kuczynski é hospitalizado

  • Por Jovem Pan
  • 17/04/2019 14h06 - Atualizado em 17/04/2019 14h38
Ernesto Arias/EFE/Agência LusaPedro Pablo Kuczynski está sob investigação e estava detido estava detido na prefeitura de Lima quando passou mal

O ex-presidente peruano, Pedro Pablo Kuczynski (2016-2018), de 80 anos, foi hospitalizado na manhã desta quarta-feira, 17, em uma clínica de Lima após uma crise de pressão arterial que começou na noite de terça-feira, 16. Kuczynski havia sido preso preventivamente no último dia 10. Ele é suspeito de ter envolvimento no esquema de corrupção que envolve a Odebrecht no país.

O ex-presidente, que estava detido na prefeitura de Lima, está na unidade de terapia intensiva e terá que passar por um cateterismo nesta tarde, segundo informou o jornal peruano La República, que disse que o Poder Judicial teria negado permisso para Kuczynski viajar aos Estados Unidos para tratamento. O ex-presidente está impedido de sair do país desde março de 2018 por causa das investigações.

Outro ex-presidente do Peru, Alan García, cometeu suicídio na manhã desta quarta-feira, ao saber que seria detido, também por envolvimento no caso relacionado à Odebrecht. No último domingo, 14, veio a público a informação de que o ex-secretário da Presidência e seu filho receberam US$ 4 milhões da Odebrecht por contratos do Metrô de Lima.

García comandou o país em dois períodos, de 1985 a 1990 e 2006 a 2011.  Ele chegou a ser levado ao hospital após atirar na própria cabeça, mas não resistiu.