Queda de helicóptero mata 7 militares na Venezuela; Maduro lamenta

  • Por Jovem Pan
  • 05/05/2019 10h18
EFEDitador presou homenagens aos oficiais; enquanto isso, país segue sendo alvo de protestos contra o regime

A queda de um helicóptero do exército da Venezuela deixou sete tripulantes mortos neste sábado (4). Todos eram oficiais das Forças Armadas. A notícia foi divulgada pelo ditador Nicolás Maduro nas redes sociais.

“Povo venezuelano! Nas primeiras horas da manhã de 4 de maio, um helicóptero da nossa FANB caiu, tirando a vida de sete oficiais dignos da pátria. Eu lamento profundamente este incidente e expresso meus sinceros pêsames à sua família e amigos”, escreveu.

A aeronave caiu em uma área de mata no município de El Hatillo, na Grande Caracas. O anúncio inicial havia sido feito pelo prefeito da cidade, Elías Sayegh.

“Um helicóptero do exército caiu esta manhã em uma área verde em Oripoto, especificamente em El Volcán, com sete pessoas a bordo. Nossa equipe de Defesa Civil em El Hatillo está apoiando os trabalhos de busca”, escreveu. A Defesa Civil, em seguida, compartilhou imagens das buscas.

Neste fim de semana, a Venezuela segue sendo palco de protestos organizados pelo autoproclamado presidente interino Juan Guaidó contra a ditadura de Nicolás Maduro. Desta vez, ele convocou as manifestações em frente às maiores unidades militares do país. O intuito é tentar convencer parte dos agentes a se voltarem contra o regime.