Queda de ônibus nos Andes deixa 6 mortos e 14 feridos no Peru

Polícia acredita que excesso de velocidade pode ter causado o acidente

  • Por Jovem Pan
  • 24/11/2019 18h28
WikimediaAcidente aconteceu na região de Huanuco, no Peru

Pelo menos seis pessoas morreram e 14 ficaram feridas na queda de um ônibus ocorrida na madrugada deste domingo (24) em um penhasco na parte peruana da Cordilheira dos Andes, segundo informações da polícia local.

O chefe da Polícia Nacional Peruana na região de Huánuco, Héctor Bernal, disse a uma estação de rádio local que o veículo saiu da estrada em que estava viajando e tombou em uma encosta de 200 metros.

O coronel detalhou que até agora os socorristas conseguiram recuperar seis corpos, cinco adultos e um menor, que foram levados para o necrotério mais próximo. Ele não descartou que o número de vítimas pode aumentar com o passar das horas, pois o trabalho de resgate permanece no local.

Os feridos, que apresentam traumatismos de vários graus, foram transferidos para diferentes centros de saúde, incluindo o Hospital Hermilio Valdizán, na cidade de Huánuco, capital da região de mesmo nome, no centro do território peruano.

O acidente ocorreu por volta da 1h (local, 3h de Brasília) perto do túnel de Carpish, uma área da encosta leste dos Andes caracterizada por alta umidade e nevoeiro denso com frequência.

Para Bernal, as causas dos acidentes podem ter sido um excesso de velocidade, juntamente com as condições climáticas, porque aparentemente a estrada estava molhada por uma chuva que havia caído nas horas anteriores.

Devido a isso, o motorista do veículo, identificado como Percy Flores, que cobria a rota entre as cidades de Huancayo e Pucallpa, foi detido na delegacia de polícia de Acomayo enquanto as investigações continuam.

*Com EFE