Rainha Elizabeth II envia suas condolências aos neozelandeses: ‘Momento trágico’

  • 15/03/2019 10h38
EFEA monarca britânica também rendeu homenagem ao serviço de emergência e aos voluntários que "estão ajudando os que ficaram feridos"

A rainha Elizabeth II da Inglaterra disse nesta sexta-feira (15) que está “profundamente triste” pelo atentado terrorista cometido contra duas mesquitas em Christchurch, na Nova Zelândia, e enviou as suas condolências a todos os neozelandeses.

“O príncipe Philip (marido da monarca) e eu enviamos nossas condolências às famílias e aos amigos de todos aqueles que perderam a vida”, afirmou Elizabeth II, que também é chefe de Estado da Nova Zelândia, em mensagem enviada ao país.

A monarca britânica também rendeu homenagem ao serviço de emergência e aos voluntários que “estão ajudando os que ficaram feridos”, e ressaltou que, “neste momento trágico”, seus “pensamentos e orações estão com todos os neozelandeses”.

Antes, a primeira-ministra britânica, Theresa May, expressou a solidariedade do Reino Unido ao povo neozelandês após o “horrível” atentado contra as duas mesquitas.

“Em nome do Reino Unido, expresso minhas mais profundas condolências ao povo da Nova Zelândia após o horrível ataque terrorista em Christchurch. Meus pensamentos estão com todos os afetados por este ato repugnante de violência”, tuitou May.

No ataque ocorrido nas mesquitas, 49 pessoas morreram e dezenas ficaram feridas, confirmou nesta sexta-feira a primeira-ministra neozelandesa, Jacinda Ardern.

*Com Agência EFE